bwin

Siga nossas redes

Economia

Milei recorre ao Tinder para marcar encontro com Big Techs

Publicado

em

Tempo médio de leitura: 2 minutos

  • Telegram
  • Flipboard
  • Google News

BUENOS AIRES (Reuters) – O presidente da Argentina, Javier Milei, está procurando um encontro pelo Tinder: com a indústria Big Tech, de grandes empresas de tecnologia.

O ex-comentarista de economia fez uma publicação nesta quarta-feira dizendo que conversou com o co-fundador do aplicativo de encontros Tinder, Sean Rad, para organizar uma cúpula de tecnologia — parte de uma tentativa mais ampla de Milei de incentivar o interesse empresarial na Argentina, do setor petrolífero ao tecnológico e de mineração.

“Acabei de ter uma ligação com @seanrad, fundador do Tinder, e concordamos em fazer uma reunião em Buenos Aires com outros grandes empreendedores do mundo tecnológico”, escreveu na plataforma de redes sociais X, anteriormente conhecida como Twitter.

Milei conseguiu uma vitória eleitoral surpreendente ano passado, prometendo rasgar o livro de regras para tirar a Argentina de sua pior crise econômica em décadas. O país tem um profundo déficit fiscal, inflação anual acima de 200% no momento e mais de dois quintos da população na pobreza.

O presidente, cujas opiniões libertárias e de livre mercado ganharam aplausos de líderes empresariais mundiais, incluindo o dono do X, Elon Musk, está tentando reverter uma contração econômica estimada pelo Fundo Monetário Internacional (FMI) em 2,8% este ano.

O aplicativo de encontros Tinder é propriedade da Match Group Inc.

(Reportagem de Adam Jourdan)

Veja também

Boletim bwinBoletim bwin
ANÚNCIO PATROCINADOConfira

Abra sua conta! É Grátis

Já comecei o meu cadastro e quero continuar.
Hidrogênio Verde
bwin Mapa do site