bwin

Siga nossas redes

Finanças

bwin - ETFs de bitcoin e ether estreiam na B3

BITH11 e QETH11 replicam o comportamento de índices do exterior.

Publicado

em

por

Katherine Rivas

Tempo médio de leitura: 2 minutos

  • Telegram
  • Flipboard
  • Google News

A bolsa brasileira ganhou dois novos ETF de criptomoedas. Nesta quarta-feira (4), foi lançado um fundo de índice com 100% de exposição à moeda digital Ether, usada dentro da plataforma de blockchain Ethereum. Esta é a segunda criptomoeda de maior valor de mercado ficando só atrás do bitcoin.

O ETF QR CME CF Ether Reference Rate negocia suas cotas na B3 com o código QETH11.E tem como índice de referência o CME CF Ether Reference Rate.

O patrimônio líquido do QETH11é de R$ 80,56 milhões. O ETF tem taxa de administração de0,75% ao ano e imposto de rendade 15% sobre o ganho de capital.

Oinvestidor pessoa física interessado em se expor a criptoativos, de forma segura e regulada, pode comprar uma cota do ETF por meio da sua corretora ou home broker. No seu primeiro dia na bolsa, as cotas do QETH11 fecharam negociadas a R$ 10,47.

Já nesta quinta-feira (5), quem faz a sua estreia é o ETF Hashdex Nasdaq Bitcoin Reference Price Fundo de Índice com o código BITH11.

O fundo de índice está 100% focado em bitcoin e é o primeiro ETF verde do segmento.

O BITH11 tem como referência o índice Nasdaq Bitcoin Reference Price (NQBTC). O preço inicial de cada cota será de R$ 50 com taxa de administração de 1% ao ano.

O ETF vai replicar um fundo que busca neutralizar as emissões de carbono na mineração do bitcoin. Segundo a gestora Hashdex, o objetivo é potencializar o bitcoin com o uso de energia limpa.

Em nota, a gestora comunicou que a empresa alemã Crypto Carbon Ratings Institute (CCRI), provedora de uma metodologia globalmente reconhecida para cálculo de emissão de carbono em redes blockchain, ficará a cargo dos relatórios com cálculos do consumo de energia e emissões na mineração dos bitcoins adquiridos pelo Hashdex Nasdaq Bitcoin ETF – fundo de índice alvo do BITH11.

De acordo com estes cálculos, o ETF reduzirá sua pegada de carbono e investirá em projetos em favor do meio ambiente.

Veja também:

Confiracotações das principais criptomoedas em tempo real

Boletim bwinBoletim bwin
ANÚNCIO PATROCINADOConfira

Abra sua conta! É Grátis

Já comecei o meu cadastro e quero continuar.
Hidrogênio Verde
bwin Mapa do site