bwin

Siga nossas redes

Guia Financeiro

Registrato Bacen: o que é e como consultar

Confira como consultar informações sobre o sistema e como consultar valores a receber.

Publicado

em

Tempo médio de leitura: 9 minutos

  • Telegram
  • Flipboard
  • Google News
Edifício-Sede do Banco Central em Brasília Crédito: Agência Brasil

Muitos brasileiros nunca utilizaram ou sequer conhecem, mas o registrato Bacen é uma ferramenta muito útil para a população.

Também chamado de “relatórios financeiros”, o registrato Bacen permite ao usuário conferir seus relatórios individuais sobre suas finanças perante o sistema fiscal do país.

Confira neste texto o que é registrato Bacen e como fazer a consulta, seus benefícios, além de outras dúvidas comuns dos usuários.

O que é o registrato Bacen?

Menu de consulta do Registrato Bacen (Imagem: Reprodução)
Menu de consulta do Registrato (Imagem: Reprodução)

Registrato é um sistema do Banco Central brasileiro (Bacen, ou BC) utilizado para consultar gratuitamente relatórios com informações sobre as instituições financeiras com as quais o usuário possui relações, além de operações realizadas por ele.

Basicamente, é por meio do registrato Bacen que a pessoa física ou jurídica tem acesso a um tipo de “extrato”, histórico bancário do usuário e outras informações perante o Sistema Financeiro Nacional (SFN). 

Esse sistema de relatórios financeiros online foi criado em 2014 pelo BC e, com ele, o consumidor passou a não precisar mais ir pessoalmente ao Banco Central para consultar essas informações. Confira mais abaixo como acessa-lo.

O que pode ser consultado?

Relatórios disponíveis para consulta no registrato do Bacen (Imagem: Reprodução)

O usuário pode consultar informações sobre empréstimos em seu nome, em quais bancos possui conta, chaves Pix cadastradas, dívidas com órgãos públicos federais, cheques sem fundos e dados de compra ou venda de moeda estrangeira feita pela pessoa, diz o site do BC.

Confira abaixo os relatórios que podem ser consultados, segundo o BC:

  • Relatório de Empréstimos e Financiamentos (SCR): operações que são, segundo a resolução 4571, empréstimos e financiamentos; adiantamentos; operações de arrendamento mercantil; prestação de aval, fiança, coobrigação ou qualquer outra modalidade de garantia pessoal do cumprimento de obrigação financeira de terceiros; compromissos de crédito não canceláveis incondicional e unilateralmente pela instituição concedente; créditos contratados com recursos a liberar; créditos baixados como prejuízo; operações de crédito que tenham sido objeto de negociação com retenção substancial de riscos e de benefícios ou de controle; operações com instrumentos de pagamento pós-pagos; outras operações ou contratos com características de crédito, que sejam assim reconhecidos pelo Banco Central do Brasil;
  • Relatório de Chaves Pix: detalhes de todas as suas chaves Pix cadastradas
  • Relatório de Contas e Relacionamentos em Bancos (CCS): detalha, basicamente, todo tipo de conta, como: contas de depósitos à vista; contas de depósitos de poupança; contas-correntes de depósitos para investimento; outros bens, direitos e valores; e contas de depósitos em moeda nacional, no país, segundo o manual do CCS;
  • Relatório de Câmbio e Transferências Internacionais: apresenta operações de compra ou venda de moeda estrangeira e as todas as transferências internacionais já feitas;
  • Relatório de Cheques Sem Fundos e Relatório de Cadastro Informativo de créditos não quitados do setor público federal – Cadin.

No entanto, cada relatório tem um tempo específico de atualização. Para informações em tempo real, é necessário consultar a instituição que fez seu cadastro no sistema do Registrato do Bacen.

Benefícios

(Imagem: Towfiqu barbhuiya/Unsplash)

Segundo as funções que o próprio BC instituiu para o sistema, podemos destacar alguns de seus benefícios:

Controle de contas e consulta de valores esquecidos

Um dos benefícios do Registrato é a possibilidade de obter um controle financeiro melhor, já que por meio dele é possível ter acesso ao seu histórico bancário e verificar contas antigas, por exemplo.

Com isso, o usuário passa a ter acesso aos tais “valores esquecidos”. No entanto, para a solicitação desses valores, o BC criou um sistema próprio de valores a receber.

Consulta de dívidas 

Por meio desse sistema é possível verificar onde o usuário tem dívidas e a situação de cada uma, além de consultar se existe alguma conta bancária, dívida ou chave Pix em seu nome que você não contratou, segundo o BC. Portanto, é possível identificar fraudes.

Verificação de crédito 

Além dos benefícios para o usuário, essa ferramenta também serve como um outro meio de as instituições financeiras fazerem análises de crédito. Portanto, ele serve como recurso que influencia na aprovação ou reprovação como em pedidos de empréstimo ou financiamentos.

Como acessar o Registrato do Bacen?

Antes, também era possível acessar o registrato do Bacen por meio do seu próprio banco, pelo aplicativo ou pelo internet banking. Entretanto, essa opção não era obrigatória para todos os tipos de bancos, por isso, nem todos tinham esse recurso.

A partir de março de 2023, foi instituído pelo Banco Central um acesso único ao Registrato, somente por meio da conta no Portal Gov.com.

Pelo CPF (portal Gov)

Tela inicial de login no portal Gov (Imagem: Reprodução)

Segundo o site do BC, para acessar o Registrato e ver seus relatórios, o usuário deve fazer o login no sistema Registrato com a Conta gov.br. 

Confira abaixo o passo a passo:

  • Entre no site do BC e digite seu CPF (Caso não tenha conta no sistema Gov.com ou precise recuperar sua senha, digite seu CPF na página de acesso e insira os dados pessoais solicitados)
  • Digite sua senha do Gov (a mesma utilizada para acessar a carteira de habilitação digital ou carteira de vacinaçãol)
  • Utilize o menu da página para escolher o relatório que quer acessar e clique em “Consultar”
  • Aceite os Termos de ciência e responsabilidade e clique em “gerar relatório”

No entanto, só tem acesso a essa consulta aqueles que tiverem a conta Gov nível prata ou ouro, que variam de acordo com o grau de segurança e informações validades em sistema. Confira também como aumentar o nível de sua conta, o que também explicaremos mais abaixo.

Como Pessoa Jurídica

Tela inicial de login no portal Gov (Imagem: Reprodução)

Da mesma forma que o usuário pode consultar o registrato do Bacen utilizando seu CPF no sistema, o histórico bancário de pessoa jurídica, também está disponível para consulta pelo CNPJ. No entanto, esse processo é diferente. 

“Você precisa realizar a vinculação do CNPJ da empresa à sua conta Gov.br, conforme instruções na Faq -Gov.br. Para isso, você precisará ter certificado digital de pessoa jurídica”, diz o site da instituição. 

Se o usuário não atrelar seu CNPJ ao seu cadastro, o sistema do registrato não irá reconhecer o vínculo. 

Não possui certificado digital? Confira aqui como obter.

Para vincular, basta:

  • Abrir o link de acesso ao sistema Registrato do Bacen;
  • Na tela inicial, selecione, dependendo do seu tipo de certificado digital (Tipo A1 – máquina – ou Tipo A3 – Token ou Certificado em Nuvem), a opção “Seu certificado digital” ou “Seu certificado digital em nuvem” 
  • Siga os procedimentos de acordo com o certificado utilizado 
  • Acesse o menu “Vincular Empresas via e-CNPJ”, e a opção “Gerenciar Vínculos com Empresas”.
  • Clique no botão “Vincular empresa do e-CNPJ”, confira e valide as informações, então basta clicar em “Vincular”

Você também pode conferir o vídeo do BC sobre o registrato.

Dicas para deixá-lo mais seguro

Como aumentar sua conta no app Gov. (Imagem: Reprodução)

Primeiramente, o Registrato assegura a segurança e o sigilo das informações que constam em seu banco de dados, no entanto é possível e necessário que o usuário também faça sua parte.

Medidas como utilizar senhas fortes, verificação em duas etapas ou acessos validados por impressão digital ou biometria facial ajudam a aumentar sua segurança.

Assim como mencionado anteriormente, o Registrato do Bacen só é liberado para usuários com conta ouro ou prata no Gov.com. Isso porque elas têm características diferentes de validação e segurança. 

Segundo o site do governo, elas se diferenciam por:

  • grau de segurança no processo de validação dos dados do usuário ao criar a conta gov.br, ou seja, quais dados estão sendo validados e em quais bases de dados;
  • os tipos de serviços públicos digitais que podem ser acessados; e
  • as transações digitais que podem ser realizadas com a conta gov.br.

Confira abaixo cada um dos níveis:

  • Onível bronze é o nível mais básico de conta. Esse é nível gerado no momento em que o usuário realiza o cadastro e possui poucos dados, além de acesso limitado;
  • Já o nível prata possui uma quantidade maior de informações validadas por meio de aumentar o seu nível em “Selos de Confiabilidade“, como o Selo Internet Banking, e acesso a mais serviços, mas ainda não possui segurança máxima; 
  • Enquanto o nível ouro é o nível com maior segurança, contanto com verificação em duas etapas, reconhecimento facial e/ou identificação biométrica, além de dar acesso a todas as ferramentas e serviços disponíveis no Gov.

Para aumentar seu nível de conta, você pode utilizar o aplicativo gov.br (para IOSoupara Android) e seguir as orientações.

Simulador Investnews

Abra sua conta! É Grátis

Já comecei o meu cadastro e quero continuar.
bwin Mapa do site