bwin

Siga nossas redes

Negócios

Nestlé projeta mais que dobrar os investimentos no Brasil até 2025

Empresa pretende construir uma nova fábrica para alimento de animais, entre outros projetos.

Publicado

em

Tempo médio de leitura: 4 minutos

  • Telegram
  • Flipboard
  • Google News

O investimento da Nestlénomercado brasileiro até 2025 vai mais que dobrar. Segundo anúncio da companhia, entre este ano e os dois próximos, o negócio no Brasil vai receber um reforço de R$ 6 bilhões, o que equivale a um crescimento de 105% na comparação com o triênio anterior, de 2020 a 2022. 

Com o Brasil se consolidando como o terceiro maior mercado mundial da Nestlé, o dinheiro já tem destino certo: “novas tecnologias na indústria, expansão das unidades fabris, transformação do portfólio e avanço da agenda de sustentabilidade”, segundo o comunicado da empresa. Além disso, será construída uma nova unidade da Purina, marca de alimentos para animais, em Santa Catarina.

Fábrica de Caçapava (SP) da Nestlé (Foto: Divulgação)
Fábrica de Caçapava (SP) da Nestlé (Foto: Divulgação)

Questionada pelo bwin sobre a motivação e destinação dos investimentos, a empresa respondeu que as decisões foram baseadas em pesquisas de mercado que apontam para novos hábitos de consumo. 

“Por meio dessas pesquisas, temos acompanhado a diminuição no número de filhos nos lares, o envelhecimento da população e o aumento da presença de pets durante a pandemia e no pós pandemia. E com isso, evoluímos nosso portfólio com produtos que vão desde alimentos para nutrição infantil até opções indulgentes, suplementos para envelhecimento e também alimentos para animais de estimação.”

Nestlé, em nota ao INvestNews

A Nestlé tem três braços na área de levantamento e monitoramento de dados para ajustes de portfólio. Um deles é a área de Consumer and Market Insights (CMI), que segue uma abordagem orientada por pesquisas, estudos e dados públicos, incluindo iniciativas proprietárias. Há ainda o C.Lab, laboratório de pesquisas próprio focado em comportamentos dos consumidores e tendências de consumo, e a área de CES (Consumer Engagement Services), um canal de comunicação com os consumidores. 

Em julho, a empresa já havia anunciado que iria investir R$ 2,7 bilhões no Brasil até 2026 para ampliar e atualizar fábricas de biscoitos e chocolates no país.

Kopenhagen (Foto: Rafael Felix/Divulgação)
Kopenhagen (Foto: Rafael Felix/Divulgação)

O anúncio dos investimentos também vem poucos meses depois da aquisição do Grupo CRM, dono da Kopenhagen e Brasil Cacau, pela Nestlé. O negócio representa mais uma expansão nas áreas de atuação da empresa do que o fortalecimento em um mesmo segmento, conforme analisaram especialistas ouvidos pelo bwin. O CRM representaria, na verdade, o ingresso da Nestlé em um ramo de varejo de presentes.

Para onde vai o dinheiro 

Nos planos da Nestlé para os próximos anos, um dos destaques é a categoria de chocolates e biscoitos, com a implantação de linhas de produção, tecnologias e novos produtos. Para 2024, a Nestlé vai inaugurar uma nova linha de KitKat na fábrica de Caçapava (SP), onde já existe a maior produção do chocolate na América Latina, de acordo com a companhia. 

Mas os projetos ainda devem se expandir para além do triênio anunciado. “Até 2028, a expectativa é ampliar ainda mais o parque industrial, com um total de seis linhas exclusivas na unidade do interior paulista”, disse a Nestlé em comunicado. 

Enquanto isso, no mercado de animais de estimação, está planejada a construção da segunda fábrica de Purina no país, em Vargeão (SC). A primeira fica em Ribeirão Preto (SP). 

Fábrica da Nestlé na Suíça (Foto: Divulgação)
Fábrica da Nestlé (Foto: Divulgação)

Outros planos incluem a categoria de café, mirando em linhas mais sofisticadas. Ainda entre os projetos prioritários estão os aportes em transformação digital e indústria 4.0, com robôs e tecnologias com o objetivo de aumentar a produtividade. 

“Teremos mais um pico de investimentos, acelerando uma agenda de ESG, inovação e transformação digital que sustentam o crescimento contínuo da operação brasileira da Nestlé”, disse Marcelo Melchior, CEO da Nestlé Brasil, em nota.

Veja também

Boletim bwinBoletim bwin
ANÚNCIO PATROCINADOConfira

Abra sua conta! É Grátis

Já comecei o meu cadastro e quero continuar.
Hidrogênio Verde
bwin Mapa do site